Quarta-feira, 31 de Março de 2010

Resiliência

Já foi  .recomeço   pó   fim   começo    engano
céu                                                    terra

estrela                                    encantamento

pele                                                 inferno

degrau                                           perdição

janela                                                prisão

telha                                                     luz

manhã    rio    canção    caminho    túnel  noite

publicado por Clara Umbra às 08:56
link do post | comentar | ver comentários (7)
Domingo, 28 de Março de 2010

Sinner man

O homem pecador sai de casa a correr, atravessa a rua a correr, protege-se com o jornal mas este logo se rasga, protege-se com as mãos mas em breve fica com elas em ferida, abriga-se nas portadas dos prédios mas os habitantes das casas e os donos das lojas enxotam-no, não querem o chão sujo de sangue, as pedras caem-lhe em cima violentamente e vão-lhe ferindo o corpo e a cara, ele entra num carro mas uma pedra enorme destrói-o, entra num rio mas as pedras atravessam a água com facilidade, entra no mar mas este abre-se em dois, vê Deus, suspira de alívio, bate palmas desenfreadamente e sorri com a parte do rosto que ainda movimenta – qualquer homem desesperado a pedir ajuda é patético – mas Deus desaparece-lhe tão subitamente quanto apareceu, o mar fecha-se, a seguir evapora-se, no areal agora deserto apenas as pedras continuam a cair e ele duvida que Deus lhe tenha aparecido, cada um tem a verdade que merece.

publicado por Clara Umbra às 20:14
link do post | comentar | ver comentários (13)
Sábado, 27 de Março de 2010

Mr. Twilight Zone

Tinha uma imaginação tão prodigiosa, tão prodigiosa, que quando ouvia uma boa ideia achava que era sua.

publicado por Clara Umbra às 01:29
link do post | comentar | ver comentários (3)
Quinta-feira, 25 de Março de 2010

Encontro maior

Todas as coisas, uma a uma, o abandonaram, até já só restar o fóssil.

50 mil anos depois, percebeu, finalmente, a razão de ser de tanta solidão e de como lhe estava, afinal, guardado um destino maior.

*

publicado por Clara Umbra às 13:51
link do post | comentar | ver comentários (7)
Domingo, 21 de Março de 2010

DIA MUNDIAL DA POESIA

Esse rio que vai lento

espreguiçando-se a teus pés
não traz nunca a mesma água
não volta nunca para trás
Já não é o mesmo rio
e nem uma das suas ondas
voltará para a nascente

Não te prendas a uma onda qualquer
que a teus pés venha morrer
Enquanto o teu pé estiver
dentro dessa mesma água
Muitas outras novas ondas
junto dele irão morrer

Na cidade onde eu vivia
sempre tão cheia de gente
se bem que ninguém lá fique
é costume ouvir cantar
Uma cantiga que fala
do fluir das coisas que há
neste mundo, e assim começa

Não te prendas a uma onda qualquer
que a teus pés venha morrer
Enquanto o teu pé estiver
dentro dessa mesma água
Muitas outras novas ondas
junto dele irão morrer


Fiama Hasse Pais Brandão (15-08-1938 / 19-01-2007)
 
publicado por Clara Umbra às 12:02
link do post | comentar
Quarta-feira, 17 de Março de 2010

Testemunho excepcional

 

(foto Clara Umbra)

publicado por Clara Umbra às 00:43
link do post | comentar
Segunda-feira, 15 de Março de 2010

"A Verdade encontra-se nas coisas, não nas palavras."

Eu não digo que não quisesse correr se ao menos tivesse pernas

mas sabem que não tenho e, parecendo que não, isso muda tudo.

Dizendo isto eu não digo que não tenha pernas de todo,

o que eu não tenho é das boas, das que correm a bom correr, como se diz.

Diz-se isso e até se diz mais, diz-se que quem corre por gosto não cansa

e outras verdades igualmente belas e certamente ditas

por quem tem duas boas pernas.

 

 

Sempre corri violentamente mas elas sempre me ficaram para trás

atulhadas de lixo ou naufragadas nalguma poça.

 

 

Mas é cedo, ainda. É sempre cedo para se ter o corpo certo,

aquele que faça aquilo que nós queremos que faça.

Vamos ver se me crescem outras, melhores, ou se se

fortalecem estas, enquanto ainda me pertencem.

 

 

publicado por Clara Umbra às 19:09
link do post | comentar | ver comentários (4)
Domingo, 14 de Março de 2010

O meu infinito abissínio

No deserto o tempo esteve quase sempre escaldante.

Os sons chegavam-nos  abafados, soprados

como se proviessem de muito longe

(de corpos inclinados para a frente, a flutuar)

e batiam-nos na cara em baforadas leves e encorpadas. 

Comemos raízes e bebemos uma água barrenta durante dias.

Dormimos, enrolados em lençóis, em cima da terra

à procura da humidade, escondida, do mundo. 

É provável que numa noite os astros nos espreitassem

conjurando sobre o nosso destino

porque o que é certo é que acordámos

e estávamos tão mortos quanto se pode estar

pelo que nos é dado conhecer, que não é muito.

publicado por Clara Umbra às 17:44
link do post | comentar | ver comentários (5)
Sexta-feira, 12 de Março de 2010

As coisas de que poderíamos falar e, no entanto, mais vale nada dizer

Poderíamos falar de escutas, assunto na ordem do dia.

Poderíamos falar de escotilhas, assunto na ordem do mar.

Poderíamos falar de partilhas, pastilhas, sintonias, equívocos e até de cabos eléctricos, como os de Ávila.

Poderíamos dizer tanta, tanta coisa.

Trouxe-vos fotografias da viagem. 

 

 

 

(foto Clara Umbra)

publicado por Clara Umbra às 22:27
link do post | comentar | ver comentários (6)

INTRO

DISCLAIMER

Este é um blogue de ficção. Qualquer semelhança com nomes, pessoas, factos ou situações da vida real terá sido mera coincidência. Ou fruto da imaginação do(a) leitor(a) - o que é bom.

DOWNBEAT

SEHNSUCHT

BACKYARD

Novembro 2016

Outubro 2016

Setembro 2016

Agosto 2016

Julho 2016

Junho 2016

Maio 2016

Abril 2016

Março 2016

Fevereiro 2016

Dezembro 2015

Julho 2015

Maio 2015

Dezembro 2014

Setembro 2014

Fevereiro 2014

Dezembro 2013

Julho 2013

Novembro 2010

Setembro 2010

Agosto 2010

Julho 2010

Junho 2010

Maio 2010

Abril 2010

Março 2010

Fevereiro 2010

Janeiro 2010

Dezembro 2009

Novembro 2009

Outubro 2009

Setembro 2009

Agosto 2009

Julho 2009

Junho 2009

Maio 2009

Abril 2009

Março 2009

Fevereiro 2009

Janeiro 2009

Dezembro 2008

Novembro 2008

Outubro 2008

Setembro 2008

Julho 2008

Junho 2008

Maio 2008

Abril 2008

Março 2008

Fevereiro 2008

Janeiro 2008

EMBERS

blogs SAPO

subscrever feeds

Sitiométrio

Add to Technorati Favorites