Quinta-feira, 12 de Março de 2009

Eu fecho os olhos e não vejo o mundo - disse -, vejo pensamentos

"Aristóteles disse que só os humanos conseguem fechar os olhos e continuar a ver o mundo à sua volta" – ouviu ele, e esta ideia não lhe saiu mais da cabeça.

Fechou os olhos e viu todos os homens à sua volta com os olhos fechados e os mundos de cada um à volta deles, num rodopio sem paz, a sugar-lhes os olhos. Abriu os olhos, assustado, e viu todos os homens do mundo, assustados e de olhos bem abertos. Apercebeu-se de que, afinal, isso estava a ser imaginado e que, portanto, ainda devia ter os olhos fechados e voltou a fechá-los e a abri-los várias vezes, até acertar, mas desconcentrou-se e nunca mais soube se tinha os olhos abertos ou fechados, como  quando fallta a luz e nós, por distracção, continuamos a acender e a apagar interruptores e nunca sabemos se vamos dar conta ou não de que a luz voltou.

publicado por Clara Umbra às 23:07
link do post | comentar
5 comentários:
De João a 13 de Março de 2009 às 18:10
Imagino que seja, como qualquer dúvida deste tipo, uma dúvida perturbadora.
De ch a 14 de Março de 2009 às 02:21
o título é lindíssimo.
não sei se o aristóteles tem razão ou não . o que é "humano"? um chimpanzé é humano? vejo tantos humanos a agir como chimpanzés... não sabia da técnica de apagar e acender interruptores quando a luz falta mas deve ser lixado. eu acendo uma vela...
adorei o post e parabéns pelo blog.
De jo zepin a 14 de Março de 2009 às 02:33
Já li imensas vezes este várias vezes(e os outros tb)!
brilhante!
somos demasiado interruptores, de facto!
De Clara Umbra a 14 de Março de 2009 às 14:31
Obrigada, ch, obrigada, jo zepin! :)
De Moyle a 17 de Março de 2009 às 01:08
gostei particularmente da passagem em que vertigem lhe suga os olhos.
não tem nada de "gore" esta preferência, é apenas por lembrança daquela sensação de terror por se estar a olhar o abismo e de terror por não se deixar de olhá-lo.

Comentar post

INTRO

DISCLAIMER

Este é um blogue de ficção. Qualquer semelhança com nomes, pessoas, factos ou situações da vida real terá sido mera coincidência. Ou fruto da imaginação do(a) leitor(a) - o que é bom.

DOWNBEAT

SEHNSUCHT

BACKYARD

Novembro 2016

Outubro 2016

Setembro 2016

Agosto 2016

Julho 2016

Junho 2016

Maio 2016

Abril 2016

Março 2016

Fevereiro 2016

Dezembro 2015

Julho 2015

Maio 2015

Dezembro 2014

Setembro 2014

Fevereiro 2014

Dezembro 2013

Julho 2013

Novembro 2010

Setembro 2010

Agosto 2010

Julho 2010

Junho 2010

Maio 2010

Abril 2010

Março 2010

Fevereiro 2010

Janeiro 2010

Dezembro 2009

Novembro 2009

Outubro 2009

Setembro 2009

Agosto 2009

Julho 2009

Junho 2009

Maio 2009

Abril 2009

Março 2009

Fevereiro 2009

Janeiro 2009

Dezembro 2008

Novembro 2008

Outubro 2008

Setembro 2008

Julho 2008

Junho 2008

Maio 2008

Abril 2008

Março 2008

Fevereiro 2008

Janeiro 2008

EMBERS

blogs SAPO

subscrever feeds

Sitiométrio

Add to Technorati Favorites